sábado, maio 05, 2007

Lendas Negras


Acabei de ler há pouco tempo este belíssimo livro do grande jornalista Vittorio Messori, numa tradução espanhola, onde ele faz uma compilação de vários artigos que escreveu para diversos jornais italianos, sobre as diversas lendas que foram criadas com o simples intuito de caluniar a Igreja Católica. Estas mentiras infelizmente são tidas hoje em dia pela maioria das pessoas, incluindo muitos católicos, como a mais pura das verdades, sobretudo porque é esta versão da história, adulterada quando não completamente inventada, que se apresenta hoje em todos os manuais escolares.
Trata por exemplo, dos descobrimentos, da inquisição ou do famoso "caso" Galileu, entre muitos outros.

É um facto que houve alguns erros ao longo da história bimilenar da Igreja, pois ela também é feita pelos homens, que erram. No entanto um estudo sério mostra que nestes 2000 anos de história a Graça superou em muito o pecado, e temos o dever como católicos de nos orgulhar desta nossa história, e não seguirmos a infeliz moda entre muitos católicos de achar que a nossa Igreja é a responsável por tudo o que houve de mal no passado e, envergonhados, ficar calados cada vez que o passado é discutido, por simples fala de conhecimento. Um estudo sério da nossa história é um dos deveres de cristão, por amor à Verdade.

Recomendo por isso a leitura deste livro a toda a gente, mesmo não existindo uma tradução portuguesa, infelizmente. No entanto é facilmente encomendável na fnac, e não é de dificil leitura, mesmo para quem como eu nunca aprendeu espanhol.

No entanto, assim que tenha tempo, vou publicando aqui pequenos resumos do muito que aprendi com este livro.

2 comentários:

Luís Rebello Valente disse...

Caro Marcos,

Obrigado pelo seu esclarecimento, seguramente muito útil para aqueles que em matérias de fé, história da Igreja, etc., retiram a sua informação da comunicação social e publicações afins.
Se me permite, deixo apenas uma correcção: a Igreja Católica é Santa, logo não erra.

Cumprimentos,
Luís Rebello Valente

Marcos de Sousa Guedes disse...

Luís:

Quando eu digo que houve erros na história da Igreja estou consciente de que a Santa Igreja Católica não erra.

No entanto a Igreja é um corpo do qual todos nós fazemos parte. E os membros do corpo não só podem errar como erram muitas vezes. Eu por exemplo, farto-me de errar.

É a esses erros humanos que me refiro.

Obrigado por corrigir um ponto que poderia ser mal interpretado.